99

as vértebras não mentem.
o meu peso é o de um beijo mal-dado
(contra toda maldade)
(e a errância das cabeças.)
ainda me sinto jorrar.

4 comentários:

Anderson Lopes disse...

"...ainda me sinto jorrar..."
As vezes a gente transborda...

VerMent* disse...

o meu peso é "a errância das cabeças"...

#Estava sentindo a sua falta! E vê se coloca um bandeid aí menina...

VerMent* disse...

cadê você? ¬¬

Antônio LaCarne disse...

beijo mal-dado há de nos corromper ao ponto de escrever um poema em revolta.

;)